Há alguns dias atrás tive a oportunidade de conhecer a sede de uma das ongs mais legais que eu já tinha ouvido falar: a Focinhos de Luz.

Um casal de amigos meus sempre me convidava para participar das feiras de adoção dos gatinhos, minha filha inclusive já tinha ido com eles, mas eu nunca tinha conseguido ir. Só sabia que era um grupo sério e que eles amavam as atividades.

Dessa vez o convite era diferente. Íamos para um sítio onde iríamos dar banho nos cachorrinhos e ia ter um almoço coletivo onde cada um ia colaborar com alguma coisa. Ficamos enlouquecidos com a oportunidade de dar banho nos cachorrinhos.

Pegamos o endereço e encontramos eles no caminho. O lugar é longe, em uma área rural, mas se pensarmos bem, num lugar perfeito para os bichinhos. E quando chegamos lá ficamos apaixonados pelo tamanho do terreno reservado para a estrutura reservada a eles.

Fomos recebidos por pessoas maravilhosas. Seres humanos do bem, todos cheios de amor no coração por tudo e por todos. Aqueles tipos de pessoas que amam o planeta e que querem um mundo melhor. Um clima meio hippie. Vários cachorrinhos soltos, brincando, recebendo carinho, pedindo afago.

Descarregamos o carro com nossas doações e nossa colaboração para o almoço. Começamos a brincar com os bichinhos. E fomos conhecer o espaço. Vários espaços para canil e gatil. Muito bem cuidados, com caminhas, espaços para eles brincarem, recipientes para água e comida bem limpos e organizados.

Cada espaço tem um número adequado de bichos, eles não ficam abarrotados no lugar. Todos os bichos muito calmos, carinhosos, como se amassem o lugar onde estavam.

Claro que haviam alguns bichinhos que estavam traumatizados, que foram resgatados em condições ruins, que tinham sido maltratados antes de chegar lá, que estavam doentes, e por isso estavam separados e em tratamento, mas mesmo assim, víamos o quanto eles estavam sendo bem cuidados.

Os rapazes foram dar banho nos cachorrinhos, pois eles eram muito grandes para nós, meninas, e alguns estavam arredios de tanta felicidade. Nós ficamos observando. Foi uma festa! Muita bagunça e brincadeira. Ninguém queria parar.

Eu não conseguia parar de dar petiscos e fazer afagos nos cachorrinhos que estava soltos perto da gente. Ainda mais depois que descobri o canil de filhotinhos. Fiquei enlouquecida. Eles pulavam em cima de mim e me beijavam e brincavam comigo sem parar.

A estrutura do lugar é invejável. O carinho com cada detalhe é visível. E a maior parte vem de doações e da ajuda de voluntários, como os meus amigos e como a minha família, a partir de agora.

O triste é pensar que quando mais bichinhos tem ali, significa que menos bichinhos foram adotados. Muitas pessoas tem preconceito em adotar bichinhos que não são vendidos em pet shops. Os meus dois gatinhos foram adotados e são lindos, muito fofos, carinhosos e nunca me deram problema.

Espero que esse post estimule vocês a conhecerem lugares como a ong Focinhos de Luz e a adotarem esses bichinhos lindos que precisam de carinho e precisam de um lar. Bichinhos lindos, carinhosos, fofos, que estão lá por causa da maldade de pessoas que não tiveram a dignidade de cuidar deles.

Façam algo diferente. Conheçam um abrigo de animais abandonados. Adotem um bichinho. Ajudem a salvar um animal abandonado. Sejam voluntários e ajudem a cuidar desses lugares e desses animais que precisam de ajuda. Vocês se sentirão muito melhor e estarão ajudando o próximo e o planeta.